Filipinas (PH)


As Filipinas estão no Oceano Pacífico, no Sudeste Asiático. É também a quinta maior cidade da terra. Ela condivide suas fronteiras com o Mar da China Meridional; ao oeste, ao Vietname e, ao Mar das Celebes, ao sul, na Indonésia. As Filipinas são compostas por 7.000 ilhas, das quais apenas 2.000 são habitadas.

Geografia
:
As Filipinas estão no Círculo do Fogo no Pacífico. Nesta região da terra há frequentes erupções vulcânicas. Actualmente, há cerca de 20 vulcões activos, dos quais o Pinatubo e o Mayon na ilha de Luzon são os mais activos. Ao leste da cadeia insular encontra-se a depressão das Filipinas, com uma profundidade de mais de 10 km - uma das maiores depressões da terra. Em consequência de terramotos submarinos, têm origem aqui ondas gigantescas, os chamados tsunamis.

Montanhas e rios:
O Monte Apo é o ponto culminante das Filipinas, com 2.955 metros. Ele está no maciço Apo, em Mindanao. Este maciço é um paraíso - principalmente - para os amantes da natureza, que possui muitas cascatas maravilhosas, florestas densas, muitas fontes de água fresca e pitorescos lagos de montanha. O Cagayan é o rio mais longo do país, com 350 km, que nasce na ilha Luzon em Sierra Madre e desemboca em Aparri, um local pitoresco no Pacífico.

Clima e melhor época para visitar:
As Filipinas encontram-se em uma zona climática tropical, que é influenciada pelo mar. A localização do arquipélago, respectivamente, a influência dos mares circundantes provoca uma temperatura equilibrada de 26° C, durante todo o ano. Há, ao todo, três diferentes estações: um verão relativamente curto, entre Março e Maio; um período de chuva, entre Junho e Outubro, quando chove muito e há tufões, que provocam um clima mais “frio”; e um período com menos chuva, entre Novembro e Fevereiro, quando as temperaturas não sobem mais do que 30°C.

Idioma:
O idioma oficial é o filipino e o inglês. Visto que o inglês é ensinado nas escolas como primeira língua estrangeira, é compreendido em todos os sítios. As antigas gerações compreendem mais o espanhol. Ao todo são faladas mais de 900 idiomas locais por mais de 100 povos distintos.

Saúde e vacinação:
Recomenda-se a vacinação contra hepatite A, tifo, poliomielite, difteria e tétano. Aconselham-se igualmente roupas que cubram todo o corpo e repelentes contra moscas e insetos que transmitem enfermidades viróticas. No entanto, nas Filipinas, há grande possibilidade de contracção de malária durante os meses de chuva, nas regiões do interior abaixo de 600 metros e, especialmente, na ilha de Palawan. Nas grandes cidades e Manila não há malária. Por favor, informe-se, atempadamente, junto ao seu médico de família sobre possíveis profilaxias. Somente em grandes cidades e em centros turísticos estão assegurados bons serviços de assistência médica. É importante possuir um seguro de saúde válido em todo o mundo e que assegure explicitamente a repatriação das Filipinas, em casos de emergência. Além disto, recomendamos o consumo de água engarrafada; os frutos devem ser descascados e as verduras e legumes deverão ser cozidos. Visto haver perigo de infecção, deve-se portar também um pequeno kit de remédios consigo.

Entrada no país:
Os portadores de passaporte português estão isentos de visto para estadias não superiores a 21 dias. É necessário que o passaporte seja válido por mais de 6 meses. As drogas são ilegais, as armas e material pornográfico são apreendidos imediatamente nas fronteiras e os perpetradores detidos. É interdita a saída de corais, mexilhões, alguns géneros de orquídeas, pele de cobra e carapaças de tartaruga.
A legislação filipina é muito severa no respeitante à posse e tráfico de drogas, mesmo em pequenas quantidades, actividades de pedofilia e violações. Estes actos são puníveis com pesadas penas de prisão.
Para maiores informações a respeito de recentes determinações legais quanto à vacinas, entrada e segurança, informe-se junto ao consulado ou no seguinte enlace: http://www.dfa.gov.ph/consular/visa-01.htm ou o consulado honorário das Filipinas em Lisboa - Morada: Av. Casal Ribeiro 44, 80 - 1049 053 Lisboa - Sr. Manuel Ribeiro - Tel./Fax - 00351213531502.

Chegada e prosseguimento de viagem:
Actualmente, há boas conexões aéreas da Europa com os aeroportos internacionais de Manila (MNL) e Cebu (CEB), oferecidas pela Air France (AF), pela British Airways (BA), pela KLM (KL) ou pela Lufthansa (LH). Devido à sua situação geográfica, as Filipinas possuem uma excelente rede doméstica de voos. Voos baratos e bons são oferecidos pela Philippine Airlines (PR), pela Air Philippines (2P), pela Asian Spirit Airlines (6K), pela Cebu Pacific Air (5J) ou pela Laoag International Airlines (L7) para Bacolod (BCD), Iloilo (ILO), Legazpi (LGP), Davao (DVO) ou para San Jose (SJI). De Lisboa (LIS) há voos oferecidos pela Air France (AF) via Paris (CDG), Hongkong (HKG); pela KLM (KL) via Amsterdão (AMS); pela Singapore Airlines (SQ) em codeshare com a TAP Air Portugal (TP) via Londres-Heathrow (LHR), Singapura (SIN); pela Lufthansa (LH) via Munique (MUC), Hongkong (HKG); pela Emirates (EK) em codeshare com a TAP Air Portugal (TP) via Londres-Heathrow (LHR) e Dubai (DXB).

Capital:
Manila, a capital do país, está na ilha Luzón e possui cerca de 12 milhões de habitantes. É a maior cidade do país e o seu centro principal. Entre as atracções turísticas que se encontram estão igrejas e catedrais, o bairro chinês, muitos parques tropicais e diversos museus, que oferecem uma visão sobre a história secular, cultura e arte filipinas.

As ilhas e as atrações turísticas:
Luzón é a maior e a mais setentrional das três grandes ilhas. A paisagem tropical de Luzón é composta por cordilheiras altas, pitorescos lagos nas montanhas e vulcões ao norte, planícies e vales no interior e porções de costa tropicais. E merece ser vista, principalmente, a Laguna, uma província, próxima à Manila e também famosa por suas fontes de sulfato curadora em todo o país. Para o banho e o mergulho, recomendamos, principalmente as “Hundred Islands” diante da costa de Pangasináns, perto da cidade de Alaminos. Ao todo distribuem-se cerca de 125 ilhas na Mar da China Meridional, que são circundadas por praias de arei fina e corais. As ilhas são, além disto, ainda a segunda reserva marítima da terra e o lar de mais de 2000 espécies de animais marítimos conhecidos. Também o sudeste da ilha vale uma exposição, a região de Bicol oferece praias com areias brancas, fontes termais e a conhecida Naglabong “Boiling” Lake em Tiwi Hotsprings National Park.

Visayas, as ilhas centrais do arquipélago, foram onde as tropas americanas desembarcaram em 1944. Nas ilhas encontram-se Cebú-City, a segunda maior cidade das Filipinas. E uma beleza natural especial é a Boracay Island. As praias de Boracay, que são consideradas como as mais bonitas da Ásia Oriental e também um destino muito procurado dos filipinos, pelas areias mais brancas de todas as Filipinas. Não se deve esquecer de visitar também em Visayas a ilha de Bohol. Ela está entre Cebú e Mindanao e possui, com o “Chocolate Hills”, uma das maravilhas naturais mais interessantes da terra. As “Chocolate Hills” possuem entre 40 e 120 metros de altura, completamente de calcário, coberta com uma fina relva, que ressecam no verão de tal forma que parecem ao longe meia-bolas de chocolate. Também há praias maravilhosas em Bohol, diante da ilha de Panglao, que está ligada com a cidade de Tagbilaran por duas pontes. A ilha Panglao é um conhecido destino turístico e possui, como a ilha de Boracay, também praias grandes com areias brancas e águas azuis-turquesa. Mas, quem desejar ter aventuras, deverá ir para a ilha Palawan, que está no Mar de Sulu e o Mar da China Meridional. A ilha Palawan foi declarada património da natureza pela UNESCO, que ainda possui uma floresta tropical original e sua atracção principal é o rio de St. Paul, com 8 km, perto de Sabang. É o maior rio subterrâneo do mundo.

A ilha de Mindanao é, depois de Luzon, a segunda maior ilha das Filipinas e, principalmente, um Éden para os amantes da natureza, com várias cascatas, lagos e montanhas. E merece ser visto, após uma escalada ao Monte Apo (2.2995), principalmente as estâncias de férias ao sudoeste da ilha. Um local maravilhoso é Zamboanga City. Está pitorescamente integrado em uma paisagem tropical e possui em suas praias a maioria de bibálvias marítimas em todo o país. Ao sul de Zamboanga City está a ilha Santa Cruz, onde a água é cor de rosa quando os corais são devolvidos à terra pelo mar. Esta ilha é especialmente procurada por mergulhadores.

Religião:
As Filipinas são o único país asiático em que mais ce 90% da população é cristã. Somente na ilha Mindanao vivem cerca de 6% de muçulmanos. Além desta religião há ainda no arquipélago cerca de 3% de budistas e praticantes de religiões da natureza.

Cidades grandes e acomodação:
Manila, Quezon City, Caloocan, Metro Davao und Cebú City.