Colômbia (CO)


A Colômbia é o quarto maior país da América do Sul, depois do Brasil, Peru, Equador, Venezuela e Panamá. A Colômbia é o único país da América do Sul com a única ligação continental para a América Central. Fazem parte de seu território a ilha de Malpelo no Pacífico e as de Santo André e de Providencia, no Mar das Caraíbas.

Geografia:
A Cordilheira dos Andes dominam a parte ocidental do país e dividem o território colombiano em três regiões: a ocidental, a central e as cordilheiras orientais. Entre elas fluem os grandes rios Cauca e Magdalena que desembocam no Oceano Atlântico. A região oriental é plana e com muitos rios, que desembocam no Orinoco ou no Amazonas.

Montanhas e rios:
As montanhas mais altas da Colômbia são o Pico Cristóvão Colombo e o Pico Simão Bolívar, com 5.775 metros. Ambos encontram-se na cordilheira central e estão a apenas de 45 km da costa. O rio principal colombiano é o rio Magdalena, com um comprimento de 1.500 km.

Clima e a melhor época para visitar:
O clima é bastante diferenciado e tem-se todas as zonas climáticas em todo o país. Na costa do Pacífico o clima é subtropical (Tierra Caliente); nos vales mais altos, o clima é principalmente temperado (Tierra Templada); a partir de 2.000 metros de altura, o clima é, antes de tudo, frio (Tierra Fría); e nas regiões de montanha (Tierra Nevada) domina o ano todo um clima frio.

Idioma:
O idioma é o espanhol. O inglês só é falado parcialmente nas grandes cidades. Além destes idiomas, são falados os idiomas indígenas, o quétchua e o chibcha.

Saúde e vacinação:
Recomenda-se a vacinação contra hepatite A, poliomielite, difteria e tétano. Aconselham-se igualmente roupas que cubram todo o corpo e repelentes contra moscas e insetos que transmitem enfermidades viróticas. Somente em grandes cidades e centros turísticos estão assegurados bons serviços de assistência sanitária. É importante obter um seguro de doença válido em todo o mundo e que assegure a repatriação em casos de necessidade. Além disto, os frutos devem ser descascados e as verduras e legumes deverão ser cozidos. Visto haver perigo de infecção, deve-se portar também uma pequena caixa de remédios consigo.

Ingresso
:
Os cidadãos portugueses deverão apresentar: passaporte válido no mínimo por seis meses, passagem ida-e-volta. Actualmente não há exigência de visto de turista, contudo requer-se a permissão de ingresso outorgada pela autoridade do Departamento Administrativo de Segurança (DAS) nos aeroportos, portos marítimos ou fluviais e demais sítios de ingresso no país. Nesta permissão de entrada a autoridade indicará o tempo de permanência no país, como turista. Caso deseje prorrogar a estada na Colômbia, deverá fazê-lo antempadamente no DAS. Durante a aterragem são distribuídos cartões de turista ao visitante com validade para 90 dias. O original será retido no aeroporto e sua cópia deverá ser entregue na saída. Para turistas menores, recomenda-se que portem seus passaportes individuais com foto.

Para maiores informações a respeito de recentes determinações legais quanto à vacinas, entrada e segurança, informe-se junto ao consulado da Colômbia em Lisboa ou no enlace: http://www.embajada-colombia.de/paginas/c_turismo_02.htm#in

Chegada e escalas:
De Madrid (MAD) há excelentes conexões para Bogotá (BOG), oferecidas pela Ibéria (IB); há ainda também conexões até Bogotá (BOG) oferecidas pela Air France (AF), a partir de Paris (CDG). Os voos domésticos colombianos são oferecidos principalmente pela AVIANCA (AV), visto dispor das melhores rotas para os maiores aeroportos do país, inclusive, para a costa caraibenha.

Capital:
A capital Bogotá é a maior cidade da Colômbia, com 7 milhões de habitantes. Bogotá possui muitas atracções turísticas do período colonial. Na cidade velha há muitas igrejas, catedrais e construções históricas, que merecem ser visitadas. Em especial, o Museu do Ouro (Museo de Oro), no Banco Central de Colombia, com sua colecção incomparável com mais de 34.000 objectos de arte da ourivesaria pré-colombiana.

Atrações turísticas e praias:
Interessante é a localidade de Zipaquirá, a cerca de 25 km ao norte de Bogotá. Nas minas de sal urbanas surgiu uma catedral construída completamente em sal. A igreja, com seus 120 metros de comprimento e mais de 8.500 qm² de superfície é considerada uma das maiores construções religiosas do mundo. Todo esse complexo foi entalhado nos cristais de sal. Além da catedral, construída nas minas, há ainda pequenas capelas e uma via crucis, cujas 14 estações interligam-se por um labirinto de túneis.

Cartagena é, sem sombra da dúvida, a maior cidade turística da Colômbia. A cidade está no Mar das Caraíbas e foi fundada em 1.533 como uma das primeiras cidades do Novo Mundo. Em 1.985, a UNESCO declarou-a património da humanidade. Devido à sua óptima localização, esta cidade portuária foi o destino de muitos navios comerciais que foram frequentemente o alvo de piratas. As inúmeras vielas com suas casas coloridas contribuem para a atmosfera desta localidade. Entre as atracções do centro histórico está a muralha e o centro com a catedral e muitos palacetes em estilo andaluzo.

Impressionante também é o Parque Arqueológico de São Agostinho, ao sul de Colômbia. Também declarado património cultural da humanidade pela UNESCO. É conhecido por suas esculturas megalíticas. Este parque encontra-se em uma região exuberantemente verde e abriga, além das esculturas, também o Salto de Bordones - a segunda maior catarata da América do Sul.

Um local belo e especial para descansar e admirar a beleza das Caraíbas é o arquipélago de San Andrés. Estas ilhas encontram-se à altura da Nicarágua e são o paraíso das palmeiras. O arquipélago, que está a cerca de 700 km do continente colombiano, compõe-se totalmente de corais em que nascem palmeiras. As águas variam em diferentes tons em azul.

Imperdível:
Uma outra atracção da Colombia é a Ciudad Perdida ao norte do país. Está na região de Sierra Nevada de Santa Marta e, seguida de Macchu Picchu, é uma das grandes cidades pré-históricas da América do Sul. Em um círculo de cerca de 2 km² encontram-se 200 terraços redondos e ovais, que estão interligados por caminhos em pedra bastante íngrimes. A diferença de altura entre os terraços entre si é de quase 12 metros. A fundação desta cidade não foi datata exactamente. Supõe-se tenha sido fundada no século VII e a população, nos tempos áureos, era de 4.000 habitantes. Depois que os espanhóis conquistaram o país, no século XVI, os Tairona rapidamente deixaram o sítio, que ficou esquecido por 400 anos. Somente em 1.975 a Ciudad Perdida foi redescoberta por ladrões, que a saquearam. Com isto, o governo colombiano enviou uma expedição arqueológica que tinha por objectivo proteger a cidade de subsequentes destruições. Uma pequena parte do que restou pode ser admirada no Museo del Oro em Cartagena.

Religião: Mais de 95% da população professa a fé católica: o resto é ateu ou professa religiões da natureza.

Grandes cidades e acomodação:
Bogotá, Medellín, Cáli, Cartagena das Índias, Barranquilla, Ibagué, Manizales, Pasto, Cúcuta e Bucaramanga.

Os voos regulares e baratos preferidos de e para Colômbia / CO